Jornais de Guaranésia

Página

MONITOR MINEIRO

O jornal Monitor Mineiro foi um semanal dedicado aos interesses do povo de Guaranésia. Durante cinquenta anos ele estampou em suas paginas diversas materias e noticiando o município. Seu co-fundador e diretor Wescesllau de Almeida soube como ninguem retratar e imprimir ao jornal a beleza de nossa terra.

Jornal A CIDADE

Sob a direção do Sr. Ivan David, o Jornal A CIDADE foi publicado em Guaranésia, nos anos 80. Um dos seus objetivo foi de alertar a população para a preservação da memória e para os problemas ambientais que a Destilaria Alvorada do Bebedouro viria a causar. ( Se desejar clique na foto para ampliar e ler)

O OBSERVADOR (em breve)

19 comentários sobre “Jornais de Guaranésia

    • Marcia

      Mário, estou procurando alguém da familia do sr. José Vilas Boas, que morava perto da Várzea depois mudou para perto do açougue do Osmar, nao muito longe da Várzea. Estamos em Cuiabá/MT desde 1977 mas nunca esquecemos aquela familia que foi muito amiga de minha mae e as filhas dele eram minhas amigas também. Sou Marcia, filha do Sr.Sebastiao e D.Jorgina. Caso voce encontre alguém deles gentileza enviar E-Mail para minha filha Ana: anaclaudia17a@hotmail.com , grata.

    • Mario Vanderlei

      Marcia como escrevi acima gostaria da confirmação do nome da esposa do Sr. José Vilas Boas se for a família que conheço acredito que encontrei no aguardo de sua resposta desde já agradeço me avise através dessa coluna Jornais de Guaranésia.

  1. Juscelino Costa

    Prof. Ivan!
    Caso consiga patrocinio para o lançamento de seu livro não esqueça de me avisar, estou muito interessado em adquiri-lo.
    Você poderia me dizer se tem algum livro que relata a história da cidade?
    Quanto aos Gibis eu não esqueci, queria entregar pessoalmente para você em Guaranésia, assim aproveitaria para conhece-lo.
    Abs.

  2. Margarete

    Olá pessoal meu pai trabalhou na época de 1960 e a 1965 o nome dele
    é José Cristino trabalhou tanto na Fazenda do Ipiranga quanto na fazenda
    da onça se ouver alguem que se lembre do meu pai ele vai ficar muito feliz
    pois ele tem muita saudade dessa época muito sofrida mas valeu apena o esforço meu e-mail para contato é keli79@ig.com.br

  3. luiz gonzaga teixeira

    quando fiz o segundo grau, provavelmente, editei com alguns amigos, um jornalzinho escolar chamado passarinho da ilha. não tenho nenhum exemplar. se alguém tiver, poderia publicar. sugiro a publicação de todas as páginas dos jornais exibidos acima. e de todos os números.

  4. Juscelino, bom dia.
    A Casa da Memória possue um pequena biblioteca e a doação da sua coleção será bem vinda.
    Vc pode enviar para São Paulo e/ou diretamente para a Casa da Memória aos meus cuidados.
    Ficamos no aguardo e agradecemos desde já.
    abs

    • Angela Ciufi

      Ivan sou Angela Ciufi e gostei muito dessas recordações que pude lembrar inclusive me chamou a atenção o recorte do jornal :O COMBATE pois esta escrito em cima o nome do meu bisavó(Nicolau Ciuffi)

  5. Juscelino Costa

    Prof. Ivan
    Sou colecionador de Gibis Antigos, tenho edições raras dos anos 50, gibis que guardei desde a época em que morava em Guaranésia, interessa para a casa da Memória?
    Seria interessante para as crianças de hoje ver um passatempo predileto das crianças de outrora, quando havia apenas o rádio como lazer caseiro?
    Um abraço.

  6. Ana Célia Luiz

    Oi Sérgio Ricardo

    Conversei com a minha mãe a respeito da sua busca, e ela me disse que é filha de Onofre José Domingues, do seu segundo casamento.
    É meu caro, acho que nós temos muito o que conversar.
    Estou no seu aguardo, ansiosamente.
    Este endereço abaixo é o meu email, assim que puder me contate.

    Abraços,

    Ana Célia

  7. Ana Célia Luiz

    Olá…

    Moro em Uberlandia/MG, sou filha de Aparecida Calixto Luiz, ou seja, irmã de João Onofre Calixto (falecido) e cunhada de Iolanda Maria de Lima (mora em São Caetano do Sul/SP).
    Minha mãe mora em São Roque/SP, e viveu nessa época relatada na fazenda do Ipiranga, pois me lembro muito bem dela comentar sobre esse lugar.
    Deixei meu hotmail, caso você queira conversar sobre isso, estou aberta a novos contatos.
    Espero encontrar novos parentes.

    Abraços,
    Ana Célia Luiz.

  8. Sérgio Ricardo

    Prezado Leitor e possível colaborador.

    Estou realizando uma pesquisa de meus ancestrais que trabalharam na fazenda da Onça e Ipiranga, gostaria de saber se existem registros dos lavradores que trabalharam nas mesmas entre os anos de 1890 a 1950.
    Procuro os seguintes ancestrais.
    José Vicente de Lima cc Ana Humbelina Rezende e Amélia Maria
    Francisco Vicente de Assis – Foi proprietário da Fazenda do Morro Preto
    cc Thereza Maria de Jesus
    Francisca de Paula Lima cc Leonina Maria de Jesus
    João Onofre Calixto cc Iolanda Maria de Lima
    Onofre José Domingues cc Margarida Francisca de Jesus

    Desde jah agradeço

    • Márcio Minchillo

      Oi Ricardo, Meu pai tem os livros com as listas de compras de muitas famílias de fazendas de Guaranésia, inclusive da Ipiranga. Ele até hoje trabalha na venda dos Minchillo, onde estas famílias compravam e marcavam para acertar no próximo pagamento. Se tiver interesse, me mande um email para marcio@cartaxi.com.br

Deixe um comentário. Sua opinião é muito importante!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s